Archive by Author

A Volta de Fiona

11 jun

Depois de um longo descanso (o último album “Extraordinary Machine” é de 2005) Fiona Apple está de volta com um clipe muito doido rodado em Paris. A música “Every Single Night” já circula na rede desde o mês passado mas o clipe acabou de sair e o disco que vai ser lançado na semana que vem  promete! No mesmo dia em que lança o disco (19 de Junho) Fiona começa a nova turnê que torcemos pra chegar por aqui em algum momento. Mais uma vez o título de um disco seu é uma frase: “The Idler Wheel Is Wiser Than the Driver of the Screw and Whipping Cords Will Serve You More Than Ropes Will Ever Do”. O título ainda é pequeno comparado com o nome do segundo album da cantora: “When The Pawn Hits The Conflicts He Thinks Like A King What He Knows Throws The Blows When He Goes To The Fight And He’ll Win The Whole Thing Fore He Enters The Ring There’s No Body To Batter When Your Mind is Your Might So When You Go Solo. You Hold Your Own Hand And Remember That Depth Is The Greatest Of Heights And If You Know Where You Stand. Then You’ll Know Where To Land And If You Fall It Won’t Matter, Cuz You Know That You’re Right” de 1999.

Anúncios

Happy Birthday Miles

26 maio

Hoje é aniversário de Miles Davis, para muitos, o melhor músico de todos os tempos. Miles tem dois traços marcantes em sua carreia, a primeira é o talento de tocar a nota certa na hora certa, sem apelar para malabarismos e sem se preocupar em mostrar o seu virtuosismo. Outro ponto forte em sua carreira foi o fato de passar (algumas vezes como protagonista outras como coadjuvante) por todos os grandes movimentos e estilos do Jazz. Tocou Be Bop no começo da carreira com Charlie Parker, revolucionou o jazz ao criar o Cool Jazz com Bill Evans, abraçou o fusion em bitches brew e a música pop no final da carreira. Em 1955 tocou com John Coltrane num quinteto que foi considerado a maior banda da história do Jazz.

Para os fãs os melhores discos de Miles foram “Birth Of The Cool” e “Kind Of Blue”. Mas eu confesso que a fase dele que eu mais me amarro é o Jazz-funk do começo dos anos setenta e o meu disco favorito dele “On The Corner” está coincidentemente completando 40 anos esse ano.

Video novo do Primus

22 maio

Olha os anos 90 de novo na área! Uma das bandas mais originais (e malucas) daquela década quebrou o jejum 12 anos sem gravar com um disco novo no  ano passado chamado “Green Naugahyde”.  Ainda no ano passado vieram divulgar esse disco no SWU mas ninguém se deu muita conta disso e o que segurou o show foram os clássicos dos anos 90 mesmo. Agora eles divulgam o pimeiro ‘clipe oficial’ do disco. Uma animação (bizarra e engraçada como o som dos caras) feita em cima da música “Lee Van Cleef”.

 

O Retorno de Blundetto

18 maio

Depois de fazer um dos melhores discos de 2010,  Blundetto, projeto/pseudonimo do DJ, produtor e multi-instrumentista francês Max Guiguet, lança outra obra-prima chamada “Warm My Soul”. Candidatíssimo a melhor disco do ano. Como no disco de estréia (“Bad Bad Things”) ele se espalha por grooves ‘violentos’ com uma proposta sonora calcada no dub mas sem se prender ao reggae. Misturando musica latina, hip-hop, afrobeat, jazz, funk e claro reggae também. Tudo com muito swing, criatividade e bom gosto.

Como foi programador da prestigiada radio francesa ‘Radio Nova’, ele conheceu muitos músicos bacanas que agora chama pra participar dos seus discos como: Tommy Guerrero, Shawn Lee, Courtney John e General Elektriks entre outras feras. Destaque para o cover de “Hercules”  de Aaron Neville.

 

R.I.P. MCA

4 maio

Morreu hoje (04/05/2012) Adam Yauch aka MCA um dos membros dos Beastie Boys, uma banda emblemática para minha geração e uma das mais originais da história da música pop. Adam vinha lutando com um câncer desde 2009 o que atrasou o último disco da banda e fez com que eles não saíssem em turnê. Quando os Beastie Boys foram nomeados para o Rock n’ Roll Hall of Fame no mês passado e não se apresentaram (MCA nem compareceu) já deu pra ver que a coisa ia mal mas mesmo assim é sempre um choque quando um ídolo seu morre.

Mesmo doente Adam não só participou ativamente das gravações do último (e na minha opinião excelente) disco dos Beastie Boys “Hot Sauce Commitee part II” como também escreveu e dirigiu o clipe do primeiro single “Make Some Noise”.  Chamado “Fight For Your Right (Revisted)” na verdade o clipe é um curta metragem que começa a partir do fim do primeiro clipe da história da banda “Fight For Your Right (To Party)” de 1986. Mais uma vez Adam mostra as 2 facetas mais importantes dos Beastie Boys, criatividade e bom humor que foram espalhadas pelos 8 discos de estúdio da banda sempre com grooves da mais alta qualidade. Eles foram a 1ª banda de rap a vender 1 milhão de cópias (o que gerou muitas críticas na época por serem brancos) mas nunca se acomodaram, sempre tentando levar o seu som mais além, chegaram a fazer 2 magníficos discos instrumentais.

Pra encerrar vou reproduzir as palavras que Fred Coelho (parceiro aqui no Resenha Sonora) postou tão sabiamente no facebook: “Luto completo pela perda do imenso Adan Yauch, do glorioso Beastie Boys. Mais um fim do mundo em 2012. Como era budista – um dos maiores lutadores pela libertação do Tibet – tomara que sua passagem tenha sido tranquila. Vai na fé Yauch. Um cara que fez muitos dos meus dias melhores. It’s sabotage.”

 

Música nova dos Beach Boys

26 abr

Os Beach Boys lançaram uma música nova, fato que não acontecia há 20 anos. A música é a primeira do novo disco de inéditas dos velhinhos da Califórnia que vai sair em breve. Os sobreviventes do grupo se reuniram pra gravar o disco novo e para uma turnê comemorativa dos 50 anos da banda. É claro que não dá pra cobrar deles o experimentalismo e a ousadia de “Pet Sounds” ou “Smile” eles parecem vir mais naquela fase inicial de “surf, garotas e músicas pop inofensivas”. Mas as harmonias vocais complexas (que deixavam os beatles cheios de inveja) estão lá e depois de tudo que eles passaram (principalmente Brian Wilson, o líder musical da banda) é legal ver os coroas tocando juntos e gravando músicas novas.

 

Sir Paul, With A Little Help From My Friends

14 abr

Saiu o 1º clipe do disco novo do mestre Paul McCartney. Apesar de não ter gostado muito da proposta do disco (ele gravou um monte de standards americanos) achei esse clipe simples e bacana. Contando com as participações de Johnny Depp e Natalie Portman no clipe e de Eric Clapton na música, essa é uma das 2 inéditas no disco que ainda traz Diana Krall como pianista e diretora musical em todas as faixas.